Notícias


Versão para impressão Diminuir tamanho das letras Voltar Página inicial Aumentar tamanho das letras

04/07
2016

Obra inédita no Brasil, ‘Borboletas no Vale do Catimbau’ é lançada em Petrolina

Professores, estudantes, servidores da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) e autoridades locais marcaram presença no lançamento do livro ‘Borboletas no Vale do Catimbau – Guia de espécies e flores visitadas’ na última sexta-feira, 01, no auditório do Museu de Fauna da Caatinga do Centro de Conservação e Manejo de Fauna da Caatinga (Cemafauna Caatinga) em Petrolina, sertão pernambucano.  

Durante o evento, o vice-reitor da Univasf, professor Telio Nobre Leite ressaltou a importância da produção acadêmica. “A produção do conhecimento é uma das grandes missões que a universidade tem contribuindo para fortalecer a identidade e o desenvolvimento da região. Iniciativas como essa são muito importantes para nós, assim como também poder apoiá-las, porque constrói um legado para a história da instituição. Isso também estimula outras ações de registro do conhecimento que é produzido, debatido e divulgado na academia”, disse o vice-reitor.

A obra, de cunho inédito no Brasil, é o primeiro guia de campo de borboletas e ainda dá destaque à biodiversidade de um dos biomas menos conhecidos do país, a Caatinga. O inventário faunístico permitiu catalogar e descrever 137 espécies do inseto, além de 50 espécies de plantas cujas flores foram visitadas. Segundo o autor, o biólogo Carlos Eduardo Nobre, o número de espécies encontradas no Parque Nacional do Catimbau, uma das poucas Unidades de Conservação (UC’s) de Pernambuco, é bastante significativo. “Estamos tratando do grupo de insetos, que é mega-diverso. Na caatinga encontramos menos, embora o Vale do Catimbau não seja a caatinga stricto sensu, ou seja, a caatinga típica, e tem menos espécies que a Mata Atlântica, por exemplo, mas o que foi revelado nesse levantamento é bem expressivo”, afirmou.

De acordo com o autor, o biólogo e pesquisador Clemens Schlindwein, o guia disponibiliza informações valiosas para o público acadêmico. “Conseguimos catalogar também plantas e flores visitadas por essas borboletas que é um trabalho praticamente inédito no Brasil, no que se refere às interações entre borboletas e flores, algo mais comum com abelhas que são conhecidamente polinizadores efetivos”, salientou.

“Para o público leigo que já possui empatia pelo tema, o livro é uma ferramenta que motiva visitas às áreas do semiárido nordestino e permite que as pessoas saibam identificar o que estão observando. Além disso, um dos objetivos da obra é estimular um nível de consciência ecológica”, lembrou o coordenador do Cemafauna, professor Luiz Cezar Pereira. Como são insetos muito bonitos então, naturalmente, despertam o sentimento de cuidar e preservar o meio ambiente num todo. Vale ressaltar que esse grupo faunístico atua também como potencial polinizador, já que há um grande número de visitas florais, embora as borboletas não tenham órgãos especializados em transporte de pólen, mas acabam contribuindo na manutenção da cobertura vegetal do lugar.

O livro tem 279 páginas, seu preço de capa é 75 reais e encontra-se à venda na loja do Museu de Fauna da Caatinga no Cemafauna e também pela loja virtual no site da instituição.

 

 

 

Serviço

‘Borboletas no Vale do Catimbau – Guia de espécies e flores visitadas’

Verbis Editora

Preço de capa – R$75,00

Autores: Carlos Eduardo Nobre e Clemens Schlindwein

 

Outras informações:

 (87) 2101-4818

www.cemafauna.univasf.edu.br

cemafauna@univasf.edu.br

Fonte: Texto: Jaquelyne Costa/Ascom Cemafauna Fotos: Joyce Melo e Kathianne de Souza
Versão para impressão Diminuir tamanho das letras Voltar Página inicial Aumentar tamanho das letras
1 2 3 4 5 6

Agende sua visita

Para agendar sua visita clique aqui e preencha o formulário. Em breve entraremos em contato.

Ficaremos felizes com sua visita.

Nossa atuação

O Centro de Conservação e Manejo de Fauna da Caatinga tem sua sede em Petrolina-PE, mas sua área de atuação estende-se por todo o semiárido nordestino do Brasil, que compreende uma extensão de 982.563,3 km². Além dos diversos municípios que abrigam a obra do Projeto de Integração do São Francisco nos estados de Pernambuco, Paraíba, Ceará e Rio Grande do Norte, o Centro também realiza ações no estado da Bahia participando de operações de fiscalização ambiental a exemplo da Fiscalização Preventiva Integrada (FPI) realizada pelo Ministério Público da Bahia em parceria com diversos órgãos ambientais. 

Quem somos e o que fazemos? Confira aqui!

Nessa reportagem, exibida no programa "Como Será?" no dia 11 de julho de 2015, você confere como é feito o trabalho de conservação e manejo de fauna realizado pelos analistas ambientais, professores e estagiários do Cemafauna Caatinga, nas áreas sob influência do Projeto de Integração do Rio São Francisco com as Bacias Hidrográficas do Nordeste Setentrional (PISF).  

Conheça o trabalho do Cemafauna Caatinga assistindo este vídeo.

O Centro de Conservação e Manejo de Fauna da Caatinga tem como missão desenvolver práticas de cunho socioambiental, buscando preservar o meio ambiente em favor dos animais do bioma caatinga. Para tanto, viabiliza ações nos âmbitos estrutural, tecnológico, educacional e pedagógico, nutricional e humano. 

Compre aqui seu exemplar de 'Caatinga Selvagem'!

Acesse o link acima e saiba como adquiri-lo. 

Em fevereiro/2012 um grupo contendo 46 Amazona aestiva, oriundos do comércio ilegal, foram liberados em um recinto com área de aproximadamente 750m² e com 8 metros de altura. Em abril/2012, 04 (quatro) ovos de A. aestiva foram encontrados nos troncos, mostrando que é possivel estabelecer um programa sério de reabilitação dessa espécie e de outras espécies. Esse projeto é uma parceria entre a CPRH, IBAMA-Recife e CEMAFAUNA.

Serviços

¬ mais serviços

CEMAFAUNA CAATINGA

Campus Ciências Agrárias, BR 407, Km 12, lote 543, Projeto de Irrigação Nilo Coelho - S/N C1 CEP. 56.300-000, Petrolina - Pernambuco - Brasil - www.cemafauna.univasf.edu.br

(87) 2101-4853 / 2101-4818

cemafauna@univasf.edu.br

 

UNIVASF

Fundação Universidade Federal do Vale do São Franscisco